MG Blog

As redes sociais mais usadas no Brasil
🎧 Sabendo quais são as redes sociais mais usadas no Brasil você planejará sua campanha de marketing digital de forma mais eficiente e conhecendo seu público.

Gostaria de escutar esse áudio de qualquer lugar e momento? Basta clicar no ícone ao lado e preencher o formulário!

as rede sociais mais usadas no Brasil podem ser parte da sua estratégia de Marketing

Os últimos anos causaram muitas mudanças no jeito como usamos a internet. Passou-se a consumir informações em diversos formatos e estar presente no digital é fundamental. Por isso, é importante entender como tudo isso reposicionou as redes sociais mais usadas no Brasil.

Os números para o relatório da We Are Social e Hootsuite são de Abril de 2022 e a pesquisa se mostrou bem detalhada, com tempo online de cada país e a constatação de que o Tik Tok conquistou celebridades e jovens.

Essas são as redes sociais para sua empresa encontrar seu público e ajudar na estratégia de marketing digital. Os dados oficiais podem diferir, porém é mais confiável seguir o relatório, visto que algumas escondem os números.

Neste artigo você vai poder ler sobre:

As 10 redes sociais mais usadas no Brasil em 2022

Redes sociais são muito importantes para ser notado e encontrado pelo público, por isso, são canais relevantes para o marketing Digital. Conhecer as redes sociais mais usadas no Brasil e saber qual têm mais usuários.

As 10 redes sociais mais usadas no Brasil são:

1.   WhatsApp

Usando os números da We Are Social e Hootsuite é possível ver que esta é a rede social mais usada no Brasil todo em 2022.

Essa rede social de mensagens instantâneas é bem popular no Brasil. A pesquisa Digital 2022: Brazil mostra que 96,4% dos usuários de redes sociais brasileiros usam WhatsApp (são 165 milhões de usuários).

Para muitas pessoas é um meio para se informar, uma vez que algumas operadoras permitem o uso ilimitado sem desconto do consumo do pacote de dados.

Usar links de WhatsApp no seu site para um atendimento mais rápido e personalizado é um grande diferencial.

Devido ao mau uso do aplicativo nas últimas eleições, diversas iniciativas têm sido criadas para limitar as Fake News. Uma nova função, de comunidades, deve ser lançada.

2.           YouTube

Para ser considerada no ranking foram considerados apenas os usuários que recebem Ads, entre 18 e 65 anos. Com 165 milhões de brasileiros, a plataforma ficou em segundo nas redes sociais mais usadas no Brasil.

O YouTube é uma rede social exclusivamente para vídeos. Com a ascensão do TikTok a plataforma criou o short, vídeos curtos em formato vertical. Além disso, recentemente, o Youtube melhorou seus sistema de hashtags, valorizando seu lado rede social.

Em todo o mundo o YouTube tem mais de 2,56 bilhões de usuários ativos e mais de 1 bilhão de horas de vídeos visualizados diariamente.

3.           Instagram

O Instagram começou como uma rede social exclusiva para acesso por meio do celular. Hoje é possível visualizar publicações no desktop, porém seu formato continua sendo para dispositivos móveis.

Em 2022, o relatório da We Are Social e da Hootsuite declarou que o Instagram passou a ser a 3ª rede social mais usada no Brasil, com 122 milhões de usuários.

Desde seu lançamento o aplicativo fez algumas atualizações, até mesmo do ícone. Deixou de ser uma rede social para fotos e passou a ser uma rede de conteúdo de entretenimento.

Hoje os Stories são o formato mais visto no aplicativo. Além das lives e da opção de postar várias fotos juntas (carrossel). Em 2018, foi lançado o IGTV, um formato de vídeo mais longo e onde é possível salvar as lives, e em 2019, o Reels querendo competir com o TIk Tok.

Os diretores do Instagram disseram que veem nos vídeos o futuro dessa rede social.

Uma conta no Instagram é a chance de divulgar seus produtos por meio de conteúdos visuais, humanizando a marca. O Instagram tem focado em compras e vendas na plataforma, porém o direcionamento para Landing Pages é mais comum no ramo imobiliário.

4.           Facebook

Apesar do número de usuários ter diminuído muito (estava em primeiro em 2020 e 2021), no mundo segue sendo a mais utilizada, com mais de 2,91 bilhões de contas ativas, sendo 116 milhões brasileiras.

No relatório We Are Social anterior, o número de usuários no Facebook era maior. A diminuição se deu por mudanças no cálculo. No Brasil ainda tem força, é o quarto país onde é mais usado.

A versatilidade da rede social é uma das vantagens, ele junta muitas funcionalidades no mesmo lugar e serve tanto para negócios quanto conexões pessoas. Uma boa ferramenta para investir em Inbound Marketing e ainda agendar posts.

5.           TikTok

Essa rede social chinesa virou febre entre adolescentes, celebridades, humoristas e empresas. Embora ainda seja pouco usada por adultos, pode ser uma inovação no marketing digital.

A empresa não divulga dados sobre o número de usuários, mas o relatório We Are Social e Hootsuite diz que a quantia chega a 73,5 milhões.

Trata-se de uma rede focada mais em fazer as pessoas darem risadas, relaxarem e se emocionarem, em suma, entretenimento. Ainda que seja mais conhecida pelas dancinhas, hoje, um público que gosta de conteúdo mais qualificado tem procurado a plataforma.

6.            Facebook Messenger

O Messenger é a ferramenta que o Facebook criou para mensagens instantâneas. Incorporada em 2011, foi separada em 2016. Assim, o download do aplicativo se tornou obrigatório para smartphones.

Tem uma função Stories exclusiva e perfis de empresa tem recursos como bots e respostas inteligentes. Os números estão integrados com o Facebook, com uma estimativa de 65,5 milhões de usuários.

7.            LinkedIn

A rede social para profissionais está cada vez mais parecida com o Facebook. As conexões são contatos de trabalho. O melhor local para falar sobre negócios. 

Durante a pandemia, mais pessoas entraram no LinkedIn, dessa maneira, cresceu e passou a ser a 7ª rede social mais usada no Brasil, com 56 milhões de usuários ativos.

Para incorporadoras ou construtoras não é um lugar tão promissor.

8.            Pinterest

É uma rede social com o conceito de “mural de referências”. O usuário pode criar pastas com inspirações, fazer upload de imagem e colocar links para o seu site. Temas como arquitetura, decoração e design estão entre os mais populares.

Sua empresa não precisa criar pastas só com conteúdo próprio. Fazer uma curadoria com imagens que representem a identidade da marca, ajudem na construção da imagem e podem ser uma porta de entrada para o público.

Essa rede social também disponibiliza campanhas, ou seja, postagens patrocinadas que aparecem na página inicial do usuário.

9.            Twitter

A rede social apelidada inicialmente de “mini blog” é uma maneira de aproximar a marca dos usuários.

Em declínio desde 2009, quando atingiu seu auge, a pandemia fez com que voltasse a crescer e no Brasil é bem popular.

No começo de 2022 eram 19 milhões de contas ativas no país, porém não dá para saber se são robôs ou não. Essa rede social é muito usada, hoje, como segunda tela para os usuários comentarem o que estão assistindo.

Ainda que muitos usam essa rede social para emitir suas opiniões políticas, o Twitter pode ser uma fonte de Leads e vendas para as empresas.

10.         Snapchat

O aplicativo parecia ter desaparecido depois da criação dos Stories no Instagram. No entanto, no Brasil, em abril de 2022 já eram por volta de 7,6 milhões de usuários, uma queda grande desde julho de julho de 2021, mas ainda surpreendente e o suficiente para ser a 10ª rede social mais usada no Brasil.

Quando Mark Zuckerberg, CEO da então Facebook, hoje Meta, não conseguiu comprar a plataforma, lançou em suas redes sociais grandes concorrentes: WhatsApp Status, Facebook Stories e Instagram Stories.

O público-alvo é bem semelhante ao Tik Tok, mas as empresas podem engajar seus usuários usando um filtro com geolocalização em eventos.

Como usar as redes sociais a seu favor

Para usar a seu favor as redes sociais mais usadas no Brasil, é necessário seguir um calendário editorial, investir no conteúdo, manter a frequência e interagir com sua audiência.

Uma vez que você conheça seu público e quem usa as redes sociais que deseja entrar, é mais fácil saber o que postar e como atingir as pessoas certas.

Publicar casos de sucesso e feedbacks dão credibilidade para a empresa. Evite temas sensíveis ou polêmicos.

Agora que você já conhece as redes sociais mais usadas no Brasil, invista em conteúdo de qualidade que os resultados virão.

X