MG Blog

O mercado imobiliário é um segmento que deve ser atuado de maneira correta para que os resultados positivos estejam sempre presentes. Por isso, entender como o ramo funciona é primordial para a obtenção de metas concluídas.

Para que imóveis possam ser encontrados de acordo com as necessidades de cada comprador, priorizando sempre suas condições, é essencial compreender como o mercado imobiliário funciona.

Se trata de um mercado em constante crescimento e que vem se tornando um dos mais promissores quando o assunto são investimentos no país. Porém, para que seja um negócio bem sucedido, é preciso que haja total preparação.

A venda de imóveis é um processo onde margem para erros não existe, pois se trata de um produto que possui um alto valor. Desse modo, para entrar no ramo imobiliário é preciso entender sobre o assunto.

Em determinadas fases no processo de vendas de imóveis, a demanda é superior às ofertas em uma determinada região e isso ocorre quando as pessoas passam a procurar por um determinado tipo de imóvel ou estão em busca de um investimento que não é muito procurado em determinados locais, por exemplo.

Quando isso ocorre, construtoras assim como imobiliárias precisam se identificar com a demanda e passam a lançar novos projetos, sejam eles comerciais ou residenciais.

À medida em que ocorre o aumento no número desses lançamentos, surge também uma outra fase que se inicia. Os empreendimentos levam cerca de cinco anos para serem finalizados, falando do início do projeto até a entrega das chaves.

As principais características de cada fase são determinantes para ter a certeza se haverá uma valorização ou uma queda nos preços dos imóveis. Na primeira, é possível observar a valorização, já na segunda, surgem equações dos preços.

Para que haja uma entrada no mercado imobiliário, o investidor deve estar ciente de que o retorno da aplicação, mesmo quando se trata da construção de casas ou a compra delas na planta, ocorre depois do tempo de obra e isso deve ser aguardado com calma, pois tudo depende do tamanho do investimento.

Por isso, é fundamental entender mais à fundo como funciona o mercado imobiliário.

Nesse artigo, você irá compreender pontos fundamentais do segmento imobiliário, como:

 

O que é mercado imobiliário?

O que é mercado imobiliário

Dentro do setor da economia, o mercado imobiliário atua como negociados conhecidos como bens imóveis. De maneira técnica, no direito o ramo considera um bem imóvel aquele que não pode ser transportado de um local para o outro sem que seja alterada a sua essência.

De maneira simples, podemos dizer que o mercado imobiliário é aquele onde ocorre negociações que se referem a um terreno e/ou uma área construída sobre ele. Assim, alguns itens devem ser destacados quando o assunto é Mercado Imobiliário: Um guia sobre o que você precisa saber. Entre eles, estão:

  • O terreno, assim como a sua superfície, subsolo e o direito de uso do espaço aéreo;
  • Edificações realizadas naquele terreno;
  • Produção realizada por trabalho humano feita no terreno, como plantações;
  • Itens naturais como árvores e outros.

Quando é realizado a compra ou aluguel desses bens, se realiza uma negociação dentro do mercado imobiliário.

Em locais de grande porte, como as grandes cidades, uma boa parte da área disponível que já estiver ocupada pelas edificações, as negociações envolvem as construções mais comuns. Assim são elas: casas, apartamentos, salas comerciais, pavilhões, depósitos e outros.

Esses imóveis podem servir para fins pessoais (como moradia de pessoas ou um lugar para acomodar bens móveis, como um automóvel) ou para instalar atividades de uma organização (loja, escritório, ONG, fábrica, depósito de estoque, etc.).

É possível alugar ou comprar/vender o imóvel novo, usado ou na planta (projeto em andamento).

Isso sem contar as negociações envolvendo terrenos.

Mesmo que eles não incluem edificações, às vezes, seu preço é ainda maior, a depender da região em que ele se encontra e das possibilidades de exploração.

Enfim, são inúmeras variáveis e elas precisam ser observadas dentro do mercado para que sempre haja bons negócios.

Entenda sobre fundos de investimento imobiliário

A cada ano, os fundos de investimento imobiliário crescem muito e proporcionam uma oportunidade para aqueles que desejam investir mesmo tendo pouco dinheiro. Tal modalidade, funciona de forma coletiva, assim você poderá notar que seu funcionamento ocorre por meio de cotas.

Existem algumas formas de obter ganhos por meio do investimento tratado, sendo elas: a valorização e a possibilidade de ganhar de maneira periódica por meio de aluguéis isso isso pode oferecer prazos mais curtos. 

O processo ocorre através da divisão dos valores pagos entre todos os que tiverem as cotas. Exemplo: se os aportes estiverem sido colocados em um shopping, todas as lojas terão que pagar todos os meses o aluguel. Quando os valores são somados, assim como divididos entre os investidores, retirando a taxa cobrada pela instituição organizadora, sendo por volta de 1%.

Você sabe como investir em fundos?

Ao contrário do que parece, o investimento em FII não é complicado. Você precisa escolher uma corretora de sua preferência e ter em mãos o dinheiro que precisa para investir. Em geral, as cotas costumam custar R$ 100,00 ou R$ 1.000,00 dependendo do fundo. Porém, alguns podem custar até R$ 2,00, e esses são uma ótima oportunidade para quem está em busca de um investimento inicial. 

Invista no seu conhecimento antes de investir em imóveis

O mercado imobiliário está em constante evolução e isso significa que precisamos estar sempre atentos a essas mudanças para que nada saia do esperado. Por isso, alguns pontos precisam ser observados com muita atenção assim como compreendido, pois investir em conhecimento é a melhor maneira de realizar um bom negócio. 

Primeiramente, é necessário entender como está o mercado imobiliário do momento. Observar a economia assim como as taxas, tornando o mercado mais atrativo. Além disso, é essencial entender como funciona o tipo de imóvel que você pretende investir. Entender essas questões é algo fundamental para evitar qualquer tipo de fraude imobiliária. 

Algo fundamental sobre o mercado imobiliário: Um guia sobre o que você precisa saber é encontrar um bairro que seja capaz de favorecer a valorização do seu imóvel, pois se trata de um bem que, deve crescer para que o seu retorno, caso seja necessário a venda do imóvel, possa assim, ser atrativo. 

Para que o retorno seja ainda mais certeiro, é fundamental ficar atento às tendências do mercado antes de investir em imóveis. Informação é crucial. Se trata de algo importante para que os investidores estejam sempre atualizados nas tendências do mercado para ter a certeza do tipo de propriedade para investimento. Assim, será possível atender um público crescente além de garantir um retorno rápido do empreendimento que foi investido. 

As principais tendências do ramo imobiliário para os próximos anos

As tendências do mercado imobiliário diz muito sobre a economia do país. Porém, mesmo se a situação esteja positiva, é preciso entender que sempre há espaços para melhorias. Por isso, alguns pontos devem ser observados. 

Um fator que contribui muito para bons resultados no mercado imobiliário é a importância que vem sendo dada ao uso inteligente dos recursos, assim como a sustentabilidade. Tais preocupações vem sendo cada vez mais comum em empreendimentos, por isso imóveis vem priorizando esses fatores obtendo cada vez mais resultados positivos.

Com a retomada da economia, podemos concluir que os incentivos do governo para o financiamento imobiliário também está entre as tendências do mercado imobiliário. Estímulos do governo como o programa Minha Casa Minha Vida, permitindo que famílias de baixa renda possam adquirir a casa própria. 

A tecnologia também vem avançando a medida na qual o tempo passa, pensando nisso, podemos notar que as vendas online irão aumentar, principalmente pelo fato de que as plataformas online podem atingir um número maior de pessoas. 

Falando em tecnologia, empresas que atuam com a venda de imóvel estão investimento também em Realidade Virtual, fazendo com que os compradores tenham acesso ao projeto de maneira real para que eles possam ter uma melhor noção de como será o empreendimento e ter a certeza de que é o bem certo para se obter. 

Com isso, podemos notar que o uso da tecnologia irá aumentar consideravelmente para que os investidores possam ter acesso a um bem qualificado e capaz de proporcionar retornos lucrativos, principalmente, ao que se diz respeito a valorização de imóveis. 

Estratégias de vendas para imóveis

Agora que você sabe o que precisa sobre o mercado imobiliário, chegou a hora de aplicar. Por isso, você irá entender agora quais as estratégias de vendas para imóveis. Acompanhe!

Sabemos que o mercado imobiliário é competitivo e isso deixa cada vez mais evidente o fato de que é preciso obter boas estratégia para estar em uma boa posição em relação aos seus concorrentes. Por isso, é preciso que você tenha uma boa habilidade de argumentação além de estar totalmente presente no meio digital se destacando no mercado. 

Primeiramente, é preciso conhecer bem os imóveis, e isso inclui pontos como: quando foi construído, quais os seus diferenciais, como está a infraestrutura do bairro, se há risco de tragédias naturais como alagamentos e etc. 

Após isso, você precisa investir na sua comunicação. Ter bons argumentos é essencial em qualquer situação, por isso você precisa ter todas as respostas caso questionado. Caso haja dúvidas, é necessário ter todo o material para que possa saná-las em instantes. 

Como já citamos, o uso da tecnologia é crucial, já que se trata de um meio onde você pode ser encontrado a qualquer momento e isso faz com que seja possível obter uma comunicação mais eficaz e qualificada para que os seus clientes possam te encontrar com facilidade. 

E o marketing digital imobiliário? Além de construtoras e imobiliárias de diversos portes, corretores que atuam de maneira autônoma também podem investir em marketing digital. Se trata de um recurso incrível é que pode oferecer inestimáveis vantagens como o fato de permitir que a competitividade se torne ainda mais democrática. 

Com o marketing digital, você estará sempre presente na internet, que é o meio de comunicação da era. Com isso, você obtém um processo mais barato, ágil além de ser assertivo. 

No ramo imobiliário o marketing digital atual com estratégias de produção de conteúdo de qualidade para atingir o seu público-alvo. Com ele, você terá a análise, a mensuração e outras possibilidades capazes de aumentar a sua carteira de clientes. O marketing imobiliário ainda, promove o engajamento dos usuários nas redes sociais, no blog e claro, no site.

Entre todas as suas vantagens, o marketing digital imobiliário ainda permite que você mensure todas as interações com a sua carteira de clientes, fazendo com que suas tomadas de decisões sejam realizadas de maneira adequada, fazendo com que seus investimentos sejam realizados de maneira muito mais precisa. 

Para concluir, as estratégias de vendas para os profissionais que atuam com corretores com o objetivo de determinar o andamento de toda a negociação,, levando o cliente até o empreendimento. Assim, as possibilidades de conclusão da compra são muito maiores, devido ao vínculo emocional após a visita. 

Por isso, é ideal utilizar os argumentos que façam projetar o que seria da vida do possível comprador se ele estivesse morando no local, com ideias de decoração tornando o local cada vez mais agradável. 

Se trata então de um mercado moderno e competitivo que se forma por consumidores exigentes e antenados com as inovações tecnológicas e por isso, apostar alto em estratégias de vendas garante uma forte presença no ramo.