MG Blog

Marketing digital é descrito como as ações feitas através da comunicação onde as organizações podem utilizá-las por meio da internet, assim como aparelhos móveis e outros meios digitais. Desse modo, pode divulgar e comercializar os seus produtos para conquistar clientes e aumentando de maneira qualificada sua rede de relacionamentos.

Apesar de parecer algo muito claro, o Marketing Digital também se apresenta de maneira subjetiva, por isso, muitos ainda possuem dúvidas sobre um assunto que abrange tanta coisa. Além disso, é necessário entender quais são as melhores estratégias para que o máximo seja extraído dessas ações.

Sabemos que a utilidade do Marketing Digital cresceu consideravelmente nos últimos tempos e nos próximos anos isso será ainda maior. Mas, você está preparado para entender sobre Marketing Digital: Tudo o que você precisa saber sobre o assunto? 

Se você respondeu “sim”, a partir de agora você irá entender por meio de um conteúdo completo sobre o assunto e quais as vantagens, assim como as estratégias utilizadas para que sua empresa tenha os melhores resultados com o Marketing Digital.

Aqui você irá encontrar:

 

O que é Marketing Digital?

Marketing Digital

Para compreender como utilizar o Marketing Digital na sua empresa ou nos seus negócios, você precisa, acima de tudo, entender do que se trata tal conceito para assim, conseguir aplicá-lo corretamente. Então, o que é Marketing Digital?

Marketing Digital nada mais é do que o ato de promover produtos, serviços e marcas por meio das mídias digitais. Se trata de uma das principais maneiras que as empresas possuem para se comunicar com o seu público diretamente e de forma personalizada quando chega o momento.

Considerado o pai do Marketing, Philip Kotler tem como o conceito de Marketing Digital “o processo social por meio do qual pessoas e grupos de pessoas satisfazem desejos e necessidades com a criação, oferta e livre negociação de produtos e serviços de valor com outros”.

Entretanto, diariamente ocorrem mudanças nas maneiras de fazer com que isso aconteça. Assim, nos dias atuais é impossível tratar de marketing digital ignorando o fato de que grande parte da população mundial utiliza a internet, principalmente para realizar compras.

Desse modo, entendemos que o Marketing Digital se tornou a melhor maneira de conceituar marketing atualmente. Se trata do termo utilizado para resumir todo o trabalho realizado no ambiente online utilizando o marketing. 

As empresas ainda, tentam solucionar as dores assim como o desejo dos seus clientes ou potenciais cliente usando os canais digitais, como: sites, blogs, motores de busca, mídias sociais, email, entre outros.

Podemos afirmar que o Marketing Digital pode ser realizado por empresas, pessoas, ONGs, Universidades e outros. Por isso, também existem fatores culturais, psicológicos, jurídicos e etc. que influenciam as pessoas no momento de realizar compras ou vender qualquer produto ou serviço.

A imensa quantidade de fluxo de comunicação presente na web atualmente é extremamente favorável para o uso de estratégias ágeis, como o Inbound Marketing ou o Marketing de Conteúdo, por exemplo. 

Quando o assunto é o aumento em nossa rede para o fortalecimento da marca ou melhorias nas vendas o Marketing Digital se torna a ferramenta de maior importância para que todos esses objetivos possam ser alcançados..

Os meios digitais são, sem dúvidas, o melhor meio para testar a efetividade das ações. Por isso, o Marketing Digital possui os melhores meios para o cálculo do retorno sobre cada investimento, além da definição de métricas de maneira clara e simples de medir.

Marketing Digital: Como tudo começou

Você sabe como o Marketing Digital surgiu? Então, agora para um momento nostálgico para entender como chegamos até aqui. 

Nos anos 90 a internet teve uma “virada de chave” por conta do seu considerável crescimento onde muitas das principais empresas do mundo atualmente surgiram, porém outras tantas também desapareceram nesse período.

Esse período é conhecido como Web 1.0 já que foi quando surgiram os primeiros mecanismos de busca, assim como as primeiras vendas online, assim como os softwares de comunicação que se tornaram acessíveis nesse momento.

Nessa época também surgiu o Google, mesmo que de maneira mais rudimentar assim como outros tantos outros motores de busca como o ICQ. Foi então que o termo Marketing Digital passou a ser utilizado. Pensou que era algo mais recente, não é mesmo?!

Naquele tempo, a web era utilizada com mais frequência por empresas mais dedicadas, sendo isso algo compreensível, levando em consideração que poucos consumidores existiam online existiam, porém a rede foi se modificando e atraindo pessoas sem que pudéssemos perceber.

No ano de 1993 foi lançado o primeiro anúncio clicável e na época a internet possuía cerca de 130 sites. No fim dos anos 2000, onde o Marketing Digital se tornou o que conhecemos hoje já eram 17 milhões. Lembrando que empresas como PayPal, Amazon e Google já existiam.

Os 4 Ps do Marketing

Os 4P de marketing

Quando falamos de Marketing Digital, existem diversas ferramentas que se aplicam perfeitamente, mesmo sendo o marketing um campo de estudo. É importante lembrar que muitas delas podem se expandir para se encaixar melhor no mundo da internet. Um bom exemplo disso são os 4 Ps do Marketing. Você conhece? 

Também conhecidos como o Mix de Marketing, esse conceito se refere a um produto que possui quatro pontos-chaves, sendo deles:

  • Produto;
  • Preço;
  • Praça;
  • Promoção.
 

Entenda cada um deles:

Produto

Sabemos que todo negócio, seja de pequeno, médio ou grande porte, precisa de algo para oferecer, correto? Dentro do produto, também precisa ser englobado o negócio, porém é importante lembrar que esse não é o principal objetivo desse ponto.

Um produto tem como principal função, proporcionar para sua equipe o entendimento e a definição de quais são as características e os atributos que ele oferece. Assim, é preciso saber responder algumas perguntas:

  • Quais são as principais necessidades e desejos que o cliente procura naquele serviço ou produto?
  • Quais funções devem ser desenvolvidas para que as questões acima sejam atingidas?
  • Quando, onde e como o cliente irá utilizá-lo?
  • Como é sua aparência?
  • Quais são suas cores, estilos e tamanhos? Possui variedades?
  • Qual é o nome e marca?
  • Como ele se diferencia dos seus concorrentes?
 

Quando todas essas questões forem respondidas, você saberá visualizar o ciclo de vida do produto para entender qual é o seu momento e quais as estratégias que devem ser utilizadas no futuro.

Preço

Não é segredo para ninguém que o preço está nitidamente ligado a esse P já que o preço é, na verdade, o valor que será cobrado pela solução que você irá oferecer aos seus clientes.

O preço irá indicar qual será o futuro do seu negócio, pois com seu dinheiro que será possível pagar os fornecedores e funcionários, assim como realizar investimentos para que seu lucro seja tirado, claro um ponto merecido.

Você conseguiria responder essas perguntas?

  • Qual é o valor do seu produto ou serviço?
  • Quais os preços cobrados em cada área de distribuição?
  • Como o seu cliente se comporta em relação ao seus preços? Quanto ele está disposto a pagar e qual é o seu limite de preço?
  • Seus preços se comparar ao dos seus concorrentes? Se sim, de qual maneira?
 

É importante lembrar que o preço estará sempre ligado ao produto e a percepção da marca de acordo com seu público.

Praça

Algumas dúvidas ainda fazem parte desse pilar já que, talvez o nome não deixe tão claro sobre o que realmente significa praça.

Em inglês, o P em questão significa Placement que eu tradução livre pode ser entendido como colocação no mercado de acordo com a nossa área. Ou seja, é a responsável pela forma como o cliente chegará até você, seus serviço e produtos como os canais de distribuição, por exemplo. 

Algumas perguntas também são fundamentais para a definição de Praça:

  • Onde seu público procura seus produtos e serviços?
  • Nos pontos de venda físicos, quais são os tipos especificamente?
  • Em estabelecimentos virtuais e online, quais são os e-commerces, redes sociais, catálogos e etc.?
  • Como sua empresa acessa os melhores e efetivos canais de distribuição?
 

Responder essas perguntas juntamente com o estudo de outros pilares irá ajudá-lo a definir como e onde seu negócio estará acessível aos seus clientes.

Algumas pessoas pensam que essa é a parte menos complicada, principalmente pensando na facilidade de criar uma loja virtual. Porém, é importante entender que não adianta ter um bom visual se não há público. 

Promoção

A ideia aqui é diferente daquela de liquidação ou sales que encontramos em centros comerciais ou shoppings. O objetivo é promover sua marca fazendo com que a mensagem passada pelo seu marketing chegue até o público certo.

Dessa maneira, você muda completamente a sua empresa, a transformando de merda desconhecida, até um local que oferece soluções que atendam as necessidades de um cliente. Aqui também vale alguns questionamentos:

  • Quando você pode passar adiante as mensagens do marketing do seu negócio para o seu público-alvo?
  • Quais são os melhores canais para você apresentar suas soluções aos seus possíveis clientes?
  • Se o seu mercado é sazonal, qual é a melhor época para você aumentar suas vendas e promoções?
  • Como os seus concorrentes realizam a promoção dos seus serviços e produtos? Isso influencia de que forma nas suas ações?
 

Com essas perguntas, você e sua equipe será capaz de direcionar os seus esforços efetivamente para que seu público possa conhecer o que você tem a oferecer, fazendo assim da sua empresa uma opção na decisão de compra.

De fato, nenhuma tentativa para criar ferramentas ou modelos que auxiliam a fazer a gestão de uma marca deve ser descartada. Porém, é preciso entender que o que deve permanecer é a necessidade do foco total das atenções ao público, assim será possível cativar a clientela  e fazer com que o seu público compreenda as vantagens oferecidas por sua marca.

Principais conceitos do Marketing Digital

Conceitos do Marketing Digital

Existem diversas especializações no mercado e assim como eles, o Marketing Digital também possui seus termos próprios. Além disso, seus conceitos são primordiais para entendermos Marketing Digital: Tudo o que você precisa saber sobre o assunto. Entenda:

Persona

O Marketing Digital, ao contrário das estratégias tradicionais que dizem respeito ao conceito de personas sendo perfis semi fictícios que se baseiam em consumidores reais para representar o seu comprador ideal. Dessa forma, há como criar ações de maneiras segmentadas e que se direcionam para as pessoas certas. Isso faz com que seu tempo e claro, dinheiro seja poupado.

Lead

Também conhecidos como oportunidade de negócio, os Leads são os contato realizados por meio de uma estratégia de Inbound Marketing que deixam informações-chave para que haja a possibilidade de identificar os seus compradores em potencial para nutri-los com informações relevante até o momento em que estarão prontos para a realização da compra.

Funil de Vendas

A Jornada do Consumidor ou Funil de Vendas são aquelas etapas onde uma pessoa passa durante o processo de compra, indo da compreensão de um problema, o considerando e então, tomando a decisão de compra.

CRM

O Customer Relationship Management (CRM) é o software responsável pela gestão eficaz entre os potenciais e atuais clientes e sua empresa. São inúmeras as suas funcionalidades, entre elas estão: cadastro de clientes, registro de suas informações, preferências e contatos realizados e controle de follow-ups.

Landing Page

As páginas de capturas de leads, ou landing pages como conhecidas, s]ao totalmente focadas na conversão. A ideia principal aqui é que as páginas ofereça um conteúdo ou material que agregue valor e em troca os visitantes disponibilizam informações de contato, o que os tornam leads.

SEO

Search Engine Optimization (SEO) conhecido também como otimização para mecanismos de busca são aquelas ações que contribuem para que haja melhorias no potencial rankeamento de suas páginas e conteúdos. Isso, ajuda para que você cumpra todos os pré-requisitos que são exigidos nas plataformas de pesquisa.

CMS

O Content Management System (CMS) ou Sistema de Gestão de Conteúdos sendo esta uma ferramenta que possibilita a produção, edição e publicação de conteúdos em ambiente online sem que haja a necessidade de conhecimentos técnicos em programação. Assim, é possível criar sites, blogs e outros de maneira mais simples.

CTA

CTA ou Calls-to-Action são os botões ou chamadas que tem como função o direcionamento das ações que os usuários devem cumprir quando visitam a sua página para que assim, continuem no fluxo de funil de vendas até o momento de compra já preparados para o consumo.

Fluxo de Nutrição

Fluxo de Nutrição é o processo realizado para a automação de Marketing onde uma ação do usuário é o gatilho para que haja um fluxo de mensagens, em sua maioria realizadas por email que tem como principal finalidade, auxiliar o visitante a caminhar pelo funil de vendas.

Vantagens do Marketing Digital

Dentro do Marketing Digital existem grandes vantagens que devem ser priorizadas para que as empresas alcancem o resultado esperado e isso foi o ponto-chave na alteração radical na dinâmica nos mercados. Acompanhe:

Mensuração

Podemos dizer que se trata de uma das principais vantagens do Marketing Digital quando comparada ao modo tradicional levando em consideração a mensuração de tudo. No passado, as organizações realizavam campanhas utilizando os meios tradicionais como a TV, o Rádio ou Revistas e isso tornava mais difícil saber quais desses meios estavam realmente trazendo os resultados desejados ou o retorno sobre investimento.

Com o marketing digital esse cenário muda completamente. Com ele, se utiliza ferramentas específicas para a mensuração, assim é possível saber de maneira objetiva quais são os canais que estão trazendo o melhor retorno. Assim, se pode obter uma análise detalhada, testando diversas variáveis com o objetivo de obter os melhores resultados.

Segmentação

Uma grande vantagens do Marketing Digital também é a sua capacidade de segmentação de público. Antes, campanhas realizadas para um grande número de pessoas eram realizadas com grande dispersão. Hoje, é possível segmentar para atingir nichos de mercado com precisão.

Isso, pode ser separado de acordo com o público que você deseja atingir, como: localização, idade, sexo, profissão, renda e etc.. Assim, é possível segmentar de acordo com o público-alvo.

Custo-Benefício

O Marketing Tradicional foi por muito tempo algo que possuía acesso restrito. Os meios de comunicação eram reservados para grandes empresas e com orçamentos altos. Atualmente, até mesmo microempresas podem aproveitar os benefícios do Marketing Digital.

Os investimentos do marketing digital podem ser realizados de acordo com o tamanho da empresa, assim podem utilizar as ferramentas disponíveis do Marketing Digital e isso faz com que o público-alvo possa ser atingido de alguma forma independente do porte do negócio.

O Marketing Digital chegou para revolucionar o mundo dos negócios, afinal com o grande crescimento tecnológico isso não poderia ser diferente. Atualmente, temos ao alcance das nossas mãos ferramentas qualificadas, prontas para oferecer os melhores resultados.

Agora que você já sabe o poder do marketing, o que acha de implementá-lo aos seus negócios?